Novidades:
  • Novidades do Último Dia
  • Novidades da Última Semana
  • Novidades por E-mail
 

 
 
 

O Desafio Ético


 
 

Autor: Vários Autores
ISBN: 8586435317
Ano: 2000
Edição: 
Editora: Ver Curiosidades
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 119
Formato: 14 x 21
Idioma: Português
Organizador: Ari Roitman
Conservação da Capa: Bom Estado
Conservação do Miolo: Bom Estado

Por: R$ 15,00
 
 

Nota

A presente obra encontra-se em bom estado de conservação, contém, apenas, algumas manchas amareladas causadas pelo tempo.

Curiosidade

editora: Garamond

 
 

Sinopse

Hoje, sobre o fio da fronteira entre dois milênios, estamos diante de um novo paradigma civilizatório com o qual não aprendemos a lidar. E que parece desafiar o gênero humano, tal como a Esfinge ao jovem Édipo - 'Decifra-me ou te devoro'. Isto porque lidar com esse novo paradigma é uma aposta de ordem intelectual, política e sobretudo ética cujo fracasso pode trazer conseqüências nefastas para o conjunto da humanidade. Neste livro, cinco dos mais importantes intelectuais brasileiros enfrentam este desafio, lançando sobre os paradoxos éticos do nosso tempo um olhar luminoso e, ao mesmo tempo, radicalmente crítico.
Sobre o autor:

BUARQUE, CRISTOVAM
Cristóvam Buarque é doutor em Economia pela Universidade de Sorbonne, em Paris, professor da UnB, em Brasília, onde é governador, e autor de diversos livros.

VERISSIMO, LUIS FERNANDO
Luis Fernando Verissimo nasceu em 26 de setembro de 1936 na cidade de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, filho do escritor Erico Verissimo e Mafalda Verissimo. Em 1943, convidado a lecionar na Universidade de Berkeley, na Califórnia, Erico Verissimo partiu com Mafalda, Luis Fernando e Clarissa, a filha mais velha, para os Estados Unidos, onde ficaram durante dois anos. Em 1954 a família Verissimo viajou novamente para os Estados Unidos, onde Erico exerceu a função de Presidente do Departamento de Assuntos Culturais da União Pan-Americana, em Washington DC, durante 4 anos. Neste período Luis Fernando iniciou seus estudos de música, aprendendo a tocar saxofone e tornando-se um admirador fervoroso de jazz. Ao Retornar ao Brasil, em 1956, começou a trabalhar na editora Globo de Porto Alegre, no setor de arte e planejamento. Em 1962 transferiu-se para o Rio de Janeiro onde exerceu as atividades de tradutor e redator de publicações comerciais. Casou-se com a carioca Lúcia Helena Massa, sua colega de trabalho na redação do Boletim da Câmara de Comércio do Rio de Janeiro, com quem teve três filhos - Fernanda, Mariana e Pedro. De volta a Porto Alegre em 1967, Luis Fernando começou a trabalhar como copy-desk do jornal Zero Hora e como redator de publicidade. Em pouco tempo já mantinha uma coluna diá-ria assinada, tornando-se conhecido por suas crônicas de humor, seus comentários políticos e esportivos e uma série de cartuns e histórias em quadrinhos. Seu primeiro livro, O Popular, coletânea de crônicas e cartuns, foi publicado em 1973. Atualmente, o autor escreve semanalmente para os jornais Zero Hora e O Estado de São Paulo, e diariamente para o Jornal do Brasil, além de contribuir para inúmeras revistas e escrever também para a TV Globo. Zero Hora, O Estado de São Paulo e Jornal do Brasil também publicam, diariamente, sua tira de quadrinhos As Cobras. Em 1995, o autor comemorou a centésima edição do livro O Analista de Bagé, que já vendeu mais de 500 mil exemplares desde seu lançamento em 1981. A vendagem do conjunto da obra do autor já ultrapassou a marca de 1 milhão de exemplares. Seu único romance, O Jardim do Diabo, foi traduzido para o alemão e o espanhol, e algumas de suas crônicas foram publicadas nos Estados Unidos e na França em coletâneas de autores brasileiros. Luis Fernando Verissimo também é colaborador do jornal português O Público. Além de muitas vezes premiado pela Editora Abril como melhor cronista de humor do país, Verissimo também recebeu, por seus comentários políticos e sociais, vários prêmios humanitários concedidos por organizações dedicadas aos direitos humanos (entre eles, recentemente, a Medalha Chico Mendes, oferecida pelo grupo Tortura Nunca Mais). Em 1995, o programa da TV Globo Comédias da Vida Privada, baseado em seu trabalho, recebeu o prêmio da crítica de melhor programa da TV brasileira.

FREI BETTO (CARLOS ALBERTO LIBANIO CHRISTO)
Autor de mais de cinqüenta livros, editados no Brasil e no exterior, Frei Betto nasceu em Belo Horizonte, Minas Gerais. Estudou jornalismo, antropologia, filosofia e teologia. Frade dominicano e escritor, ganhou em 1985 o Prêmio Jabuti, da Câmara Brasileira do Livro, com a obra 'Batismo de Sangue'. Consultor de movimentos sociais, em 2004, renunciou ao cargo de assessor especial do Presidente da República. Entre seus livros de ficção destacam-se: 'O aquário negro' (contos) e os romances 'O dia de Angelo', 'Alucinado Som de Tuba', 'O Vencedor', 'Entre todos os homens' e 'Hotel Brasil' (policial).

SOARES, LUIZ EDUARDO
Luiz Eduardo Soares é cientista social e antropólogo. Participou do governo do Estado do Rio, de janeiro de 1999 a março de 2000, na condição de subsecretário de segurança pública e coordenador de segurança, justiça e cidadania. Tem 10 livros publicados, entre eles o romance 'Experimento de Avelar', premiado pela Associação de Críticos Brasileiros em 96, e 'Meu Casaco de General', finalista do Jabuti em 2000, onde relatou sua experiência na coordenação de segurança pública no Rio de Janeiro.


 

Entrega Expressa:

São Paulo - Capital São Paulo - Interior Outras Capitais Interior de Outros Estados
de 1 a 2 dias úteis de 2 a 4 dias úteis de 2 a 4 dias úteis de 3 a 5 dias úteis
Após Confirmação do pagamento

 
 
 
 
 

São Paulo

Praça João Mendes, 140

Cep: 01501-000

como chegar

Horário de Atendimento:

09 às 19h de segunda à sexta-feira

Sábado das 09 às 17h (exceto feriados)*.

Telefone(11) 3104-7111

CNPJ: 43.710.516/0001-32Sebo do Messias - Todos os direitos reservados.Mapa do site